Arquivo da categoria: poesia

“Licença poética”

Longe da técnica e das complicações formais da arte poética… Cesar                                    Pinheiro faz poesia, com a naturalidade de quem respira… Qualquer      … Continuar lendo

Publicado em poesia | Marcado com | 1 Comentário

5 poemas (e alguma prosa) do meu querido primo Chico Ayres

“A ciência moderna sugere que o espaço é infinito… em sua geometria plana. — Este é, realmente, um conceito perturbador ao extremo – pois… se o universo é infinitamente grande, nós somos infinitamente pequenos“ (Paul Halpern – ‘Fronteiras do Universo’) … Continuar lendo

Publicado em poesia | 1 Comentário

Anarquismo, Contracultura, e o “movimento Hippie”

“Não há nada que possa eximir o homem da sua condição de ser livre – e…por                      conseguinte, da sua responsabilidade diante de seus atos”. (‘Jean-Paul Sartre’) Embora Gerard Winstanley (The New … Continuar lendo

Publicado em poesia, política | 1 Comentário